Só o amor pode salvar da dor

Página 13 de 13 Anterior  1, 2, 3 ... 11, 12, 13

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Só o amor pode salvar da dor

Mensagem por Admin em Sab Set 16, 2017 8:11 pm

Christopher assentiu e Ivalu saiu do quarto deixando os dois sozinhos, ele abraçou a namorada acariciando as costas dela, Dulce suspirou se aninhando ao peito dele. Logo Ivalu voltou ao quarto, ligou o ar condicionado e pegou um pijama para Dulce, mas a ruiva não quis vestir alegando que não ia conseguir dormir, Ivi não insistiu e deixou o pijama na mesa de cabeceira e saiu para vestir o seu. Dul começou a ficar sonolenta, Chris perguntou onde o paninho estava para que ele pegasse, mas para surpresa dele a namorada respondeu que tinha rasgado o lençol dela e que não ia conseguir dormir nunca aumentando o choro novamente, Ivi voltou do banheiro já de pijama encontrando amiga chorando pedindo pelo paninho dela.  

Ivi (a loira falou sussurrando para o amigo): O que foi? Por que não pegaram o paninho ainda?
Chris (ele respondeu entre sussurros enquanto tentava segurar a namorada no colo): Ela rasgou o paninho antes de sair de casa e agora não tem paninho para dormir.
Ivi (a loira suspirou vendo a prima agitada nos braços do namorado, apesar do calmante já está começando a fazer efeito): Lembrei de uma coisa que pode ajudar a gente já volto (Chris assentiu e Ivi saiu do quarto).  

Christopher recomeçou acariciar as costas da namorada, que soluçava querendo se afastar dele, Dulce pedia, por favor, para solta - lá, pois não queria deitar. Chris se manteve firme abraçado a ela, e começou a cantar entre sussurros A Tu lado, a ruiva parou de se mexer entre os braços dele, o loiro então ajeitou a namorada no colo fazendo ela deitar e encostar a cabeça em seu peito. Ivalu voltou ao quarto carregando um lençol que a prima usava para dormir na casa dela, logicamente era sempre usado junto com o paninho, mas agora o mesmo não existia mais e Ivi esperava que o lençol que foi buscar no seu apartamento acalmasse a ruiva, a loira estendeu a Christopher que acomodou a coberta junto ao rosto de Dulce e continuou cantando até que percebeu que a namorada tinha adormecido, Chris passou a mão pelo rosto dela molhado pelas lágrimas e as secou, ele então olhou a amiga que chorava baixinho, o loiro esticou as mãos e tocou a mão de Ivalu que fazia carinho na perna da ruiva.  

Chris (ele chama atenção da amiga): Ela dormiu. Vai ficar tudo bem Ivi.
Ivi (ela enxuga as lágrimas de seu rosto): Eu não tenho tanta certeza disso Chris. Não depois de saber que a Bebê quebrou o maior elo que ela tinha com mãe (Chris a olhou sem entender). Eu estou falando do paninho, ela rasgou o objeto mais significativo da vida dela. O desespero da Bebê ainda pouco dizendo que não ia mais conseguir dormir, é a prova de como o lençol de estimação é importante mesmo ela não querendo que seja no momento.
Chris (ele faz carinho na mão da amiga): Tem razão mais, nos vamos conseguir ajudar a Dul, você vai ver.  
Ivi (ela suspira preocupada): Como?
Chris (ele suspira): Ainda não sei, mas acho que agimos certo hoje e aos poucos, nós vamos acertando e ajudando ela. Vai dar tudo certo.
Ivi (ela suspira): Espero que sim. Agora vamos dormir precisamos está descansados para manhã.
Chris (ela suspira): Vamos sim só me ajuda a tirar essa roupa dela.
Ivi (ela suspira): Ajudo sim.  

Christopher e Ivalu trocaram a roupa de Dulce a deixando só de calcinha e com uma blusa dele, eles acomodaram a ruiva na cama e em seguida o loiro deitou ao lado dela, Chris ajeitou a namorada sob o peito dele juntamente com a coberta, ela como se soubesse disso suspirou e se aninhou a ele fazendo Ivi e o namorado rirem, como podia até dormindo a Bebê deles era um poço de manha. Os dois se olharam sorrindo e desejaram boa noite um ao outro, Ivalu avisou que infelizmente teria que trabalhar amanhã de manhã, mas que qualquer coisa ligasse para o celular dela, a loira avisou ao amigo para ele não se preocupar com o almoço que ela ia trazer da rua, a única preocupação dele era cuidar de Dulce e não deixar a mesma sozinha por nada no mundo, Christopher assentiu e disse a amiga, que não se preocupasse que ele ia cuidar muito bem da Bebê deles, Ivi assentiu e saiu do quarto após dar um beijo de boa noite no amigo e na prima, a loira arrumou o sofá cama na sala da ruiva e em poucos minutos os dois estavam dormindo também, Chris com a Dul e ela no sofá.

Enquanto isso na casa dos Saviñón Blanca estava dormindo sob efeito de calmante, a senhora tinha passado mal devido aos últimos acontecimentos. Fernando, Claudia e Flávio ficaram conversando por um tempo mais logo foram vencidos pelo cansaço e também acabaram por irem dormir, o mesmo que aconteceu com Maite, Alfonso e Christian que se reuniram as pressas na casa de Anahí, depois de ouvirem uma entrevista da amiga avisando que estava fora do RBD, eles só não ligaram para o Pedro porque em fim não tiveram coragem de incomodar o mesmo, que devia está sofrendo com toda essa situação. Ângela e Eduardo ficaram fazendo companhia a Pedro varando a madrugada, mas acabaram dormindo na sala nos sofás que tinham por ali, já Damián passou a noite em claro sem conseguir dormir pensado em como recuperar o amor da filha e em como protege - lá de tudo que estava por vir. Foi perguntado pela esposa em como ia fazer agora que Dulce tinha saído da banda, ele respondeu a ela que Dulce ia voltar para o RBD isso era a única coisa que tinha certeza. Já Denise após ter discutido com os pais e avôs pela reportagem que havia saído no La Oreja, eles tinham certeza que tinha sido a ela, mas não tinham prova, a prima da ruiva se fez de vitima e avisou a família que estava viajando a trabalho para montar uma filial da empresa dela em outro pais, todos assentiram, pois apesar da desconfiança deles sabiam que isso era verdade, a mãe dela e o irmão levaram ela ao aeroporto no inicio da madrugada. Quando voltaram do aeroporto a família de Vinicius único irmão de Blanca também resolveram dormir. Alexandra e Luís estavam preocupados com a nora, o filho tinha ligado para dar noticias contando como Dul estava os deixando mais tensos ainda, eles foram dormir tarde conversando e tentando arrumar uma forma de ajuda - lá.        
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 567
Data de inscrição : 02/07/2014

Ver perfil do usuário http://dulrevoltsavinon.forumbrasil.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Só o amor pode salvar da dor

Mensagem por Admin em Sab Set 16, 2017 8:13 pm

7 de Fevereiro – Terça-feira

Apesar de uma noite mal dormida para Fernando e Claudia, os dois tiveram que acordar para trabalhar, infelizmente tinham a agenda cheia de compromissos. Clau não podia deixar seus pacientes na mão, Fernando tinha que retomar a reunião que havia abandonado, o senhor também teria durante a manhã ainda mais duas reuniões, a última era um almoço e ai sim voltaria para casa, pois não queria deixar a esposa muito tempo sozinha. Fernando pediu a Letícia que fizesse companhia amiga pela manhã enquanto ele trabalhava, ela lógico aceitou avisando que não ia trabalhar hoje para poder ajudar os amigos nesse momento difícil, o pai da ruiva agradeceu e saiu para trabalhar. Ivalu como avisou ao amigo saiu cedo do apartamento e foi ao dela, a loira se arrumou e saiu para trabalhar. Pedro também precisou sair cedo de casa para o trabalho, o senhor precisava dar explicações aos chefes da televisa e aos empresários do RBD, ele ia ter um dia cheio de reuniões e mais reuniões. Poncho, Mai e Pollito dormiram na casa de Any e já estavam todos acordados esperando dar oito e meia da manhã para poder ligar para Christopher, eles tinham certeza que ele estava com Dulce e precisavam de noticias da amiga. Diego, Luís e Flávio estavam em seus trabalhos mais não conseguiam deixar de pensar em Dulce. Bianca que se encontrava na Itália saia do trabalho mais cedo, pois não conseguia se concentrar tamanha era a preocupação com a irmã, Rodrigo ligava de meia em meia hora para saber como a namorada estava. Eduardo e Ângela ainda não tinham saído de casa a pedido de Pedro que queria preservar os dois assim como a Dulce também, o senhor pediu a Christopher que não deixasse ela sair de casa pelo menos hoje até que ele conseguisse controlar um pouco a situação tanto Chris como Dudu e a Ângela assentiram e prometeram ficar em casa aquele dia.

Apartamento de Dulce Maria – 8h45 da manhã

O quarto estava no mais perfeito silêncio, Christopher e Dulce ainda dormiam quando uma música ao longe começou a tocar perturbando o sono de ambos. Chris acordou atordoado procurando da onde vinha o barulho assim que encontrou, o loiro pegou o celular rapidamente para atender, mas o aparelho já tinha parado de chamar. Christopher descansou o corpo na cama passando a mão no rosto, olhou para o lado e viu a namorada se mexendo e choramingando baixinho por ter sido acordada, ele imediatamente se colocou de lado na cama e começou a fazer carinho nela tentando tranquilizar o sono de sua Bebê.        

Chris (sussurrando): Shhh Shhh.

Dulce aos poucos foi voltando a dormir tranquilamente para alivio do namorado, Christopher queria que sua Bebê acordasse o mais tarde possível para que descansasse bastante do final de semana exaustivo que tiveram, culminando com a descoberta de que Pedro é seu pai biológico. Chris levantou da cama devagar para não fazer nenhum barulho no instante que seu celular começou a tremer, ele rapidamente correu até o mesmo e atendeu pedindo que esperassem só um instante, o loiro entrou no banheiro, fechou a porta e finalmente falou com a pessoa que o esperava.

Chris (com a voz rouca): Oi Mai desculpa a demora para atender, a Dul está dormindo e não queria acorda – lá, por isso pedi que esperasse um pouco.    
Mai (ela pediu aos outros que esperassem um pouco): Sem problemas Chris. Tudo bem com você? Que pergunta idiota eu sei. Estamos todos angustiados só estamos ligando para saber noticia da Bebê. Está todo mundo preocupado. Conseguiu conversar com ela? Você soube que Dul deixou o RBD? Passou em todos os programas e em todo canto.
Chris (ele suspira): Eu nem sei te responder se estou bem Mai não quando uma das pessoas que mais amo está sofrendo (o loiro passa a mão no rosto se olhando no espelho). E não é uma pergunta idiota obrigado por perguntar. E você como está? Bom, eu não consegui conversar muito com ela não, Dul primeiro tentou ignorar o assunto fingindo que nada acontecia, mas depois quando eu e a Ivi forçamos a barra para que ela falasse sobre o assunto a Bebê começou a chorar e só parou quando caiu no sono, nos tivemos que dar um calmante para que dormisse. Quanto a está fora do RBD é verdade isso mesmo? Não estou sabendo nada disso. Bom na verdade não estou sabendo de nada desde ontem não assisto televisão.    
Mai (seria): De nada meu amor. Estou bem (todos estavam querendo perguntar alguma coisa), nós estamos bem dá para pararem de perturbar oh.
Chris (ele fala sem entender): Que Mai?
Mai (ela suspira): Não é com você Chris é que a Any, Poncho e o Pollito estão aqui me deixando louca querendo falar com você e saber noticias da Bebe (a morena fala com os amigos). Sosseguem senão eu não consigo conversar com ele e ai mesmo que não vão saber de nada (os três bufaram e Maite voltou a falar com Christopher). Imagino Chris, a Bebê já é meio calada sofrendo então é mais complicado ainda. Com relação a Dul está fora do RBD é verdade sim, ela disse em cadeia nacional para todos os repórteres que estavam em frente da casa dela antes de sair da casa dos pais ontem à noite.  
Chris (serio): Eu não estava sabendo disso, mas não se preocupe quanto a isso, o Pedro não vai deixar que Dul abandone o RBD por causa dele, Dul ama o que faz e ele sabe disso, o que Pedro menos quer é a filha infeliz. Eu vou fazer o possível para ajudar a Dul a se resolver com os pais, incluindo o Pedro que também que é pai dela. Vou fazer de tudo para que minha Bebê fique bem.  
Mai (seria): Perai do jeito que está falando parece que sabe de algo. Sabe de alguma coisa Chris? (Christopher escuta a namorada chamando por ele). Chris?

avatar
Admin
Admin

Mensagens : 567
Data de inscrição : 02/07/2014

Ver perfil do usuário http://dulrevoltsavinon.forumbrasil.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Só o amor pode salvar da dor

Mensagem por Admin em Sab Set 16, 2017 8:14 pm

Christopher foi até a porta e abriu a mesma para ver se Dulce estava chamando mesmo por ele e sim ela o chamava, mas a ruiva encontrava - se sonhando, o loiro sorriu até dormindo eles estavam juntos, Chris lembrou que acontecia o mesmo com ele as vezes também sonhava com ela, mas o sorriso desvaneceu quando escutou a voz angustiada como sua Bebê o chamava, o loiro já ia até a namorada, mas a voz de Maite o chamou atenção., ele tinha esquecido completamente da amiga no telefone.

Mai (seria): Chris está me ouvindo?
Chris (ele fechou a porta do banheiro novamente): Oi Mai desculpa, eu escutei a voz da Dul e fui ver o que ela queria, mas a Bebê está dormindo ainda sonhando com algo ruim. Podemos nos falar mais tarde? Preciso acorda - lá.
MaI (seria): Entendo Chris sem problemas. Nos podemos sim conversar mais tarde . Quer dizer na verdade. Estou ligando para saber se podemos ver a Dul? (ela pergunta apreensiva).    
Chris (ele suspira): A galera toda você diz?
Mai (seria): Sim todos nos. Podemos?
Chris (ele suspira): Não sei Mai depende da Dul, eu não sei como ela vai acordar hoje e se vai querer ver alguém sabe. Não quero forçar nada pelos menos por enquanto, mas assim que ela acordar  converso com a Dul e te ligo avisando. Combinado?
Mai (seria): Combinado. Fico esperando você ligar então. Tchau Chris beijos.
Chris (loiro já abrindo a porta do banheiro): Beijos Mai tchau (eles em fim desligaram o telefone).

Christopher saiu do banheiro e encontrou Dulce em um sono mais tranquilo, o loiro cobriu a namorada que já estava descoberta a cobrindo novamente até a cintura, ele a observou dormindo alguns minutos, depois olhou o celular que ainda estava em suas mãos e viu que já eram 9h20 da manhã e logo Dul acordaria e ele precisava arrumar algo para o café da manhã. Chris saiu do quarto devagar deixando a porta aberta indo até suas coisas, ele pegou uma roupa na mochila e voltou ao quarto seguindo direto para o banheiro.

Quinze minutos depois Christopher saiu já todo arrumado, de bermuda cinza e uma blusa branca básica. Dulce ainda dormia do mesmo jeito que a deixou antes de sair para tomar banho, o loiro não queria deixar a namorada sozinha, mas precisava comprar alguma coisa para comerem na primeira refeição do dia, na verdade necessitava abastecer o armário e a geladeira de comida, mas para isso teria que ir ao mercado e isso levaria tempo, e com certeza sua Bebê acordaria nesse meio tempo. Chris saiu devagarzinho do quarto e procurou sua carteira e a chave do carro, a chave não estava onde tinha deixado ontem, o loiro deu mais um olhada e encontrou a mesma em cima da bancada junto com um bilhete escrito por Ivalu que tinha o seguinte recado:

Bom dia Chris e Bom dia Bebê,

Provavelmente o primeiro acordar é você Chris, mas resolvi dar bom dia aos dois para não ter problemas depois com a nossa Bebê. kkk Bom não tem nada no armário e nem na geladeira quando eu acordei então fui até em casa me arrumar para trabalhar, tomei café e trouxe presunto, queijo, mortadela e leite para vocês, e coloquei Nescau e café no armário. Na hora do almoço estou de volta com um almoço gostoso para nós e quando sair do trabalho a noite passo no mercado para abastecer a casa da ruiva.

Até daqui a pouco.

Beijos Ivi
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 567
Data de inscrição : 02/07/2014

Ver perfil do usuário http://dulrevoltsavinon.forumbrasil.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Só o amor pode salvar da dor

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 13 de 13 Anterior  1, 2, 3 ... 11, 12, 13

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum